Iniciamos, no CEFET Rio Verde em parceria com a UFG – Jataí, um projeto sobre pimentas, intitulado “Prospecção e Avaliação dos Cultivares de Pimenta da Região do Sudoeste Goiano”.  O projeto tem como objetivo principal a constituição de um banco de germoplasma de acessos de pimenta da região, a avaliação da atividade antioxidantes das diversas pimentas colhidas e o melhoramento de uma variedade de pimenta da região.

 
 

 

As pimentas são classificadas como da família solanaceae, gênero Capsicum, compreendendo um grupo variado de pimentas doces e picantes, originárias do continente americano. Deste grupo, cinco espécies são cultivadas comercialmente: Capsicum frutescens (malagueta, malaguetinha, malaguetão e tabasco), Capsicum baccatum (dedo-de-moça, chifre-de-veado, chapéu-de-frade, cambuci e sertãozinho), Capsicum chinense (bode, de cheiro e murici), Capsicum annuum (pimenta-doce e pimenta-verde) e Capsicum pubescens.

No Brasil, C.baccatum e C. chinense são as espécies mais comuns, devido a sua ardência e boa adaptação às condições climáticas equatorias e tropicais (Lannes, 2007).

Elas são cultivadas em todo o país, com uma área total anual de cerca de 2 mil hectares, mas os estados de Minas Gerais, São Paulo, Ceará e Rio Grande do Sul são os principais produtores.  A produtividade depende do tipo da pimenta e do sistema de produção adotado, variando entre 10 a 30 t.ha-1 (Marouelli, 2007).

 

Referências

Lannes, S. D.; Finger, F. L.; Schuelter, A. R.; Casali, V. W. D. Scientia Horticulture, 112, 266-270, 2007.

 

 

Marouelli, W. A.; Silva, H. R. Irrigação da Pimenta. Circular Técnica 51, Embrapa Hortaliças, Brasília, DF, 2007.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

4 Responses to “Pimentas, pimentas e mais pimentas”


  1. 3 Adriana nunes duraes
    10/05/2011 às 3:35 AM

    Carlos, como deve ser feito o viveiro de mudas de pimenta? deve ser direto no solo, suspensa, com cobertura ou nao? Abraços.

    • 4 carlosfrederico
      10/05/2011 às 4:43 AM

      Olha só…eu sou químico..não, agronômo…mas posso lhe dizer que, no nosso caso, nós fizems em vasos suspensos, com cobertura.
      Espero que ajude.
      Abraços


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: